SECREÇÕES

A nossa vagina tem uma tarefa muito difícil, mas que faz com excelência! Olha só o desafio: a vulva tem um montão de micróbios e o útero não pode ter nadinha disso, cabe então à vagina rainha ser essa intermediadora que atua protegendo o nosso corpo. 

Cheia de bactérias do bem, ela está sempre se renovando, refazendo a sua flora para manter esse equilíbrio perfeito. E esse é um dos motivos de termos corrimento. Ele é fruto dessa renovação. Um corrimento saudável se parece com uma pasta branca ou um pouco amarelada que não coça, não tem cheiro forte e não arde.

Além do corrimento, tem o muco cervical, que são secreções naturais produzidas pelo colo do útero para proteger o útero e também facilitar a concepção, já que ajuda os espermatozóides a viverem por mais tempo na vagina e chegarem mais facilmente ao útero. 

Se você prestar atenção, vai perceber que alguns dias depois da menstruação, seu corpo começa a produzir mais desse muco e depois que você ovula, perto da metade do ciclo, não tem mais muco. Essas substâncias têm características diferentes de acordo com o dia do seu ciclo. Começa como uma pastinha branca que fica bem dura quando seca na calcinha, depois fica mais líquida e se parece com um creme hidratante. Logo antes da ovulação, você pode perceber a vagina bem molhada e a presença de um muco muito fértil que é gelatinoso como uma clara de ovo. 

Lembrando que o muco cervical é produzido somente por mulheres que ovulam. Quem usa anticoncepcional hormonal não ovula, portanto não tem as oscilações hormonais que estimulam a produção do muco cervical.
Mas como saber se as secreções são normais?

Alguns corrimentos anormais podem indicar infecção. Sinais de alerta são: dor, ardência, coceira, cheiro forte ou cheiro de peixe, secreção amarelo-esverdeado, cinza, branca em pequenas placas como queijo cottage e sangramento vermelho ou marrom na relação sexual ou fora do período menstrual também merecem ser investigados.O ideal para manter a saúde íntima é manter a vulva arejada, não usar ducha vaginal e nem absorvente. Prefira o coletor menstrual ou Lovin que deixam a vulva respirar e não tem aquele monte de produtos químicos como os absorventes. Ou então, as calcinhas e absorventes reutilizáveis da Inciclo que tem um tratamento antimicrobiano e ajudam a manter a vagina livre de infecção.

Compartilhar
Calcinha Menstrual

Comente

A

Recomendado para mulheres com mais de 30 anos ou que já têm filhos.

Eu quero

B

Recomendado para mulheres com menos de 30 anos ou que não têm filhos.

Eu quero