A “altura do colo do útero” não interfere na escolha do seu coletor menstrual e vamos te contar porque!

Você já deve ter visto na internet vários vídeos te ensinando a medir a famosíssima “altura do colo do útero”, certo? Acreditamos que é incrível a mulher se tocar, se conhecer… e essa informação pode ser relevante para que a gente conheça a parte interna do canal e também o colo do útero (ele parece a pontinha de um nariz, para quem nunca tocou). Só que saber a altura do colo do útero não altera a possibilidade de você usar coletor. Toda mulher pode usar! Além disso, saber a “altura” do colo não interfere na escolha do coletor!!! Listamos os motivos para você entender melhor.

* O útero muda de posição ao longo do seu ciclo, ou seja, a posição que você medir hoje, provavelmente vai estar diferente da posição que encontrará nos próximos 3 dias.
* No seu período fértil, o colo do útero fica “mais baixo”, mas ele vai mudar de posição.
* O canal vaginal tem entre 7 e 10 cm, ou seja, você tem espaço para colocar o coletor.
* Se o colo do útero fosse tão baixo a ponto de não ter espaço para um coletor, você sentiria muita dor durante o sexo com penetração.
* O pênis, que ocupa o mesmo espaço do coletor, tem em média 10 cm ( e isso pode variar para muito mais). Ou seja, esse espaço é real!
* O colo do útero também muda a posição, não só a “altura”, as vezes ela fica mais escondida e outras mais posicionada para o canal, isso também não interfere no uso do coletor.
* Relacionar a escolha do coletor com esse tamanho, dificulta o processo a afasta as mulheres do uso, pois parece algo muito complexo, sendo que na verdade é algo bem simples.
* Independente do tipo de corpo, a altura do colo do útero, o canal vaginal existe e é suficiente para toda mulher se jogar no mundo dos coletores menstruais.

Ahhh, e a gente ainda vai te dizer mais: na maioria dos casos, vai sobrar um bom espaço entre o fim do coletor e o colo do útero. Olha aqui o desenho da anatomia, pra entender melhor:

Compartilhar
Coletor Menstrual

Comente

A

Recomendado para mulheres com mais de 30 anos ou que já têm filhos.

Eu quero

B

Recomendado para mulheres com menos de 30 anos ou que não têm filhos.

Eu quero