Ginecologistas respondem sobre o copinho

Médicos  reconhecem as vantagens do coletor menstrual e apontam as principais questões sobre ele

O copinho pode assustar muitas mulheres à primeira vista: Será que isso vai caber em mim? E a resposta é sim, ele vai caber. E mais, ele vai se tornar o seu melhor amigo, e você nem vai lembrar que ele está dentro de ti, diferente de qualquer outro tipo de absorvente. Existem muitas perguntas sobre o coletor menstrual e selecionamos abaixo respostas médicas para cada uma delas.:

Com qual frequência devo lavar o meu coletor? Como posso fazer isso? Vou sentir algum mau cheiro?

“…é preciso esvaziá-lo a cada 6 a 12 horas, dependendo da intensidade do fluxo menstrual. Para higienizá-lo, basta lavá-lo com água fria e sabão e fervê-lo após o período menstrual. Como o sangue não entra em contato com o ar, o coletor também evita o mau odor, que pode ocorrer com o uso de absorventes externos.”

Dr. Renata Lopes RibeiroClínica Obstétricas do Hospital das Clínicas da FMUSP e membro da equipe de medicina fetal da Maternidade São Luiz.

O que acha dessa nova onda dos copinhos?

“Acho fantástico que as mulheres estejam aderindo. É um sinal de que querem conhecer sua menstruação e entrar em um contato mais íntimo com seu ciclo. (…) Isso é mexer com um tabu, certo? A menstruação também deixa de ser aquela coisa incômoda, suja, com cheiro ruim e ganha um status positivo, de curiosidade, de autoconhecimento”.

Halana FariaGinecologista e obstetra

Quais as vantagens dos coletores menstruais em relação aos absorventes tradicionais? Todas as mulheres se adaptam?

“O produto colabora com o meio ambiente e ainda é mais higiênico e provoca menos alergia do que o absorvente. No entanto, a mulher tem que se tocar, se conhecer e aceitar sua menstruação como algo normal do seu corpo.”

Rita DardesGinecologista e professora da USP.

 

É desconfortável usar o copinho?

“O uso do coletor faz com que a mulher se sinta mais confortável. Ele não abafa a vulva nem a flora vaginal, além de manter a temperatura e a umidade da região íntima.”

Dra Maria Angélica Cardoso Belonia – ginecologista e obstetra

 

O silicone usado nos coletores é de confiança?

“É um material confiável, que causa baixíssima rejeição. Podemos comprovar isso citando as próteses de mama, também feitas de silicone. Na realidade, o copo menstrual só veio a acrescentar.”

Dra. Márcia Fuzaro Cardial –  Sogesp

 

Uma lista completa de observações médicas podem ser encontradas no site da Inciclo em www.inciclo.com.br

 

Obs: As perguntas foram feitas baseada em observações dos médicos sobre o produto. Em suas entrevistas originais, eles se referiam ao produto, mas sem responder as perguntas, que foram acrescentadas para esclarecer o tema. Para ler os textos completos onde estão as participações de cada um dos ginecologistas citados, clique nos links abaixo:

https://drauziovarella.com.br/mulher-2/coletor-menstrual-por-que-nao-falamos-dele/

https://veja.abril.com.br/saude/ja-ouvir-falar-de-coletor-menstrual-tire-todas-suas-duvidas-aqui/

https://saude.abril.com.br/bem-estar/7-fatos-sobre-o-coletor-menstrual-para-voce-conhece-lo-melhor/

Compartilhar
10 motivos para experimentar o coletor menstrual

Comente

A

Recomendado para mulheres com mais de 30 anos ou que já têm filhos.

Eu quero

B

Recomendado para mulheres com menos de 30 anos ou que não têm filhos.

Eu quero