Essa foto te agride?

E se te contassem uma outra história? Como seria então a experiência de ser mulher?

Tudo bem, faz parte do que a mente coletiva vibrou e nós inconscientes nos influenciamos, mas tá na hora de despertar dessa ilusão. Bora então quebrar mais crenças limitantes?

“E se te contassem uma outra história?
Como seria se quando você menstruasse, te dissessem que ser mulher é uma coisa boa e que teu sangue é um sinal da tua saúde e fertilidade?
E dissessem que todo o mês você iria desfrutar da beleza de ser cíclica e fluir com as energias de expansão e contração do universo?
E se te contassem que teu corpo é um fragmento do Todo e que quando você olha pra dentro de si pode conhecer mais sobre o universo e a fonte de toda sabedoria?
Se partilhassem contigo saberes ancestrais, acumulados por gerações de mulheres?
Se te ensinassem a amar e respeitar a ti mesma, teu corpo e teu ritmo interno?
Se te iniciassem nos mistérios do amor e do prazer feminino?
Se te dissessem que teu corpo é teu e que ele exige um saber e um cuidado específicos, próprios pra ele?
E se te ensinassem que todas as mulheres são como irmãs, parceiras de caminhada e que temos muito para aprender e partilhar umas com as outras?
E se isso pudesse ser compartilhado agora para todas as mulheres? Como seria a vida de todas nós?
Como seria então a experiência de ser mulher?”

Texto: Naíla Andrade Sarkar  (Mandala Lunar)
Foto: @tatyalencar

Compartilhar
10 motivos para experimentar o coletor menstrual

Comente

A

Recomendado para mulheres com mais de 30 anos ou que já têm filhos.

Eu quero

B

Recomendado para mulheres com menos de 30 anos ou que não têm filhos.

Eu quero